Páginas

terça-feira, 17 de novembro de 2015

Li // Alice No País das Maravilhas (Lewis Carroll)

Olá a todos!
Espero que se encontrem bem!

Hoje venho falar-vos de um livro cuja história, certamente já todos conhecemos ou ouvimos falar: Alice No País das Maravilhas.

Conheci a história, talvez como a maioria da minha geração, através da longa-metragem adaptada pela Disney em 1951. Adorava essa animação!
Mais recentemente, em 2010, recordei a história através da adaptação dirigida por Tim Burton.

Mais tempo se passou e só este ano li a história original… A que deu origem a todas estas adaptações!


O Livro

Alice's Adventures in Wonderland (Alice No País das Maravilhas) foi escrito por Lewis Carroll (pseudónimo de Charles Lutwidge Dodgson). 
Sendo publicado a 4 de Julho de 1865 em Londres, é, actualmente, considerada uma obra clássica da literatura inglesa e uma das mais célebres do género literário nonsense.

O livro conta a história de Alice, uma menina curiosa que, ao seguir um coelhinho branco, cai na sua toca e vai parar num lugar fantástico povoado por criaturas peculiares e antropomórficas.

Alice vai explorando esse País das Maravilhas, tomando conhecimento dos indivíduos que lá habitam: Bill, um Lagarto faz-tudo que vive a receber ordens, uma Lagarta azul que passa os dias a fumar um cachimbo de água, o eterno chá na casa da Lebre de Março, acompanhada do Chapeleiro Maluco e do Arganaz dorminhoco, o inesquecível Gato Cheshire e, claro, a Rainha de Copas, injusta e cruel, sempre disposta a mandar cortar a cabeça de qualquer um e por qualquer motivo.

Considerada uma história nonsense, ou seja, totalmente sem sentido, estes diferentes personagens e diferentes núcleos, são-nos apresentados de forma completamente fantasiosa e repleta de situações invulgares e esquisitas, remetendo-nos para a lógica do absurdo muito característica dos sonhos.

Dividido em 12 capítulos, a história é curta e fluída, narrada numa escrita simples repleta de metáforas. Além disso, o livro está repleto de alusões satíricas dirigidas ao circulo de amigos (e outros não tão amigos) do autor, bem como de paródias a poemas populares infantis ingleses ensinados no século XIX e ainda de trocadilhos e referências linguísticas.

Este livro possui uma continuação – Alice do Outro Lado do Espelho – sendo que, actualmente, as duas histórias são muitas vezes editadas um livro só.

Esta edição vem com as ilustrações originais, de John Tenniel (muito conhecido pelas ilustrações das Fábulas de Esopo) que dão um toque de magia à história.


A minha opinião

Então… como expor a minha opinião sem ser completamente achincalhada pelos fãs da história?
A verdade é que me desiludi! Talvez por ter ido com muita sede ao pote – demasiada expectativa – acabei por me desiludir.

Como vos disse, adorei a adaptação da Disney e criei, no meu imaginário, uma Alice curiosa, divertida que, apesar de cair num cenário completamente sem sentido, alinha na situação e vai seguindo o seu rumo.

Já no livro, achei a Alice uma personagem extremamente... chatinha! Racionaliza muito o que se passa à volta dela o que, para mim, não faz sentido nenhum! 
Vamos lá explicar-nos… que criança é que, estando num País das Maravilhas, repleto de fantasia e situações inusitadas, se põe a racionalizar sobre o que tem lógica e o que é absurdo? É uma criança, e esta Alice, não pensa como uma criança, .
Enfim… Quebrou-se o meu mito da Alice!

Além disso, quanto às mensagens subliminares que ‘só adultos irão entender’, mais uma vez, vi-os sim… mas na adaptação da Disney! (E não... não sou das que acha que Alice é uma alucinada viagem ao mundo das drogas... Nada disso!).
Isto talvez aconteça por eu não ser uma Inglesa do Séc. XIX e, muitas das referências do livro (a costumes, características, rimas e piadas) me terem passado ao lado.
Talvez um dia, quando estudar mais sobre o contexto histórico em que o livro foi escrito, possa entender melhor a história e apreciá-la melhor.
Até lá, fica-se a aguardar por uma edição comentada... talvez isso me ajudasse!

Sei de imensa gente que faz colecção dos livros em diferentes edições – algumas delas lindíssimas – e tenho realmente pena de não ter gostado tanto assim ao ponto de querer investir numa edição mais caprichada… Gostava de ser daquelas pessoas que tem um livro do qual gosta tanto, mas tanto, que colecciona edições.


E foi isto!
Agora contem-me, já tinham lido este livro? O que acharam?

Espero que tenham gostado do post!
Um grande Beijinho e até à próxima!

Não se esqueçam de acompanhar o blog nas Redes Sociais

Para ficarem a par das minhas leituras não se esqueçam de me acompanhar também no
Goodreads 

Onde adquirir o livro?  
♥ Alice no País das Maravilhas: aqui | ♥ Alice do Outro Lado do Espelho: aqui | ♥ Edição conjunta: aqui | ♥ Edição Comemorativa - Especial para Crianças: aqui.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Deixa o teu comentário! Vou gostar de saber a tua opinião! ❤