Páginas

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

6 à 6ª #3 // 6 Coisas que me irritam em Livros

Olá a todos!
Espero que se encontrem bem!

Hoje trago-vos mais um 6 à 6ª, desta vez com 6 coisas que, enquanto leitora, mais me irritam em livros.

Inicialmente achei que não daria uma ordem a estes itens mas, depois, fui percebendo que sim… há uns aspectos que me irritam mais do que outros, portanto, vamos lá!
Do menos irritante, ao mais irritante…

6º  Capas de livros com cartazes de Filmes

A sério… todo o leitor reclama disto!
Há livros com capas lindíssimas que, depois de verem o seu conteúdo adaptado a filme, ficam condenados a que as suas capas sejam trocadas pela imagem do cartaz do filme.
O pior, é que muitas vezes, os livros previamente editados são recolhidos para que as capas sejam trocadas, o que torna quase impossível voltar a encontrar o livro com a capa original.
Eu entendo que, para quem não tenha o hábito de leitura, talvez a capa do filme seja um maior incentivo para pegar no livro mas, para quem já lê regularmente, normalmente esse é motivo de decepção.
E a solução é tão simples: Ponham uma sobrecapa no livro! Assim que a quiser manter, mantém! Quem não quiser, pode remover a sobrecapa e ficar com a original!

5º  Traduções irreconhecíveis de títulos

Começo a ouvir falar loucamente de um livro pelos youtubes estrangeiros e quero mesmo lê-lo! Procuro a edição em português…
Não encontro em lado nenhum e, depois de um intenso trabalho de pesquisa, descubro que, afinal, o determinado livro X que eu queria muito ler, até já está traduzido para português… mas com um título que não lembra a ninguém, e que eu nunca associaria ao original.
A Joca, do Little House of Books, fez um vídeo excelente com exemplos daquilo que estou a tentar dizer, e que podem ver nos links seguintes:

4º  Pormenores desnecessários na capa

Nesta categoria vou incluir dois itens: etiquetas na capa, e frases promocionais que não interessam a ninguém.
Etiquetas e autocolantes já toda a gente sabe que são dispensáveis… principalmente aqueles que, para remover, trazem metade da tinta da capa junto! E o que costumam vir nessas etiquetas? Avisos de desconto ou frases promocionais que, em situações ainda mais graves, vêm impressas na própria capa…
Quem já não se deparou com um aviso ‘O melhor romance desde X…’ impresso na capa de um livro?
A sério? E se eu não gostar dos livros X? Vou logo desdenhar este tal que agora vem com avisos na capa e talvez sem necessidade. Ou pior ainda, gostei do livro X e agora vou criar alta expectativa ao ler o livro novo, sempre a comprara-lo lá com o tal X…
E o pior é não poder, muitas vezes, remover essa informação da capa.
A solução? Pôr uma cinta em torno do livro, com essas informações… Mais uma vez, quem quiser manter essa cinta, mantém… Quem não quiser, põe na reciclagem e fica com a capa lindinha, sem qualquer tipo de adereço extra.


3º  Notas de edição no final do Livro

Estamos a ler um livro tranquilamente quando aparece uma observação ou nota assim1. Aí, para consultarmos o 1, temos que interromper a leitura, avançar não-sei-quantas páginas e ler o que está escrito… Irrita-me um pouco, confesso!
Tão mais simples, quando basta deslizar o olhar para o fundo da página e lá está o explicativo 1.

2º  Falta de continuidade nas Edições

Irrita-me um pouco quando, por alguma razão, uma editora interrompe a publicação de uma série para depois, outra editora recomeça a editar essa mesma série. Entretanto, por qualquer razão, essa segunda editora lembra-se de mudar o design da capa mas já não recomeça a série do início, alterando a capas a partir do 3º volume…
Aí, alguém como eu, que quer a série toda, já não encontra todos os volumes da primeira editora, que entretanto deixaram de se produzir, e da segunda editora encontra com duas edições diferentes, que pouco ou nada combinam e pronto…
Para se ter a colecção toda, temos que ceder e ter um volume de cada nação.
Fiz-me entender?
Para ilustrar esta história posso falar-vos, por exemplo, dos livros da Philippa Gregory, em que, quer a série Tudor, quer a série Guerra dos primos, estão divididas entre edições da Editorial Planeta e da Civilização Editora e, quem quiser adquirir as series todas de uma vez, já não encontra todos os volumes numa mesma linha editorial.

1º  Edições divididas

Saí um livro novo e, o original tem cerca de 600 páginas! Ok, excelente!
Vamos traduzi-lo para português e o que resolvemos fazer? Dividir o livro em duas partes.
Sim, porque um livro de 600 páginas (e que custaria cerca de 30€) é muita coisa, por isso vamos dividi-lo em dois livros de 300 páginas cada e vender cada uma das partes por uns míseros 20-22€.
Além de gastarmos mais dinheiro, ainda temos, muitas vezes, que esperar pelo lançamento da 2ª parte… Só grandes ideias!

E pronto! 
Estas foram apenas 6 das coisas que me irritam em livros (descobri que poderiam ser muito mais…)
E vocês? O que vos irrita nos livros?
Concordam com alguma coisa do que referi?
E que tópicos gostariam de ver abordados no próximo '6 à 6ª'?

Espero que tenham gostado do post e não se esqueçam de deixar o vosso comentário.
Um grande Beijinho e até à próxima!


Não se esqueçam de acompanhar o blog nas Redes Sociais

Para ficarem a par das minhas leituras não se esqueçam de me acompanhar também no
Goodreads 


Imagem daqui

2 comentários:

  1. Não percebes puto de edição. Puto. Quero ver te um dia a editar, para fazeres tudo o que estás a criticar, senão não vendes. E quem não vende morre.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá anónimo! Tudo bem?
      Então, terás até alguma razão ao dizer que não percebo ‘puto de edição’. Isto porque não trabalho, nem nunca trabalhei no mercado editorial (nem nunca tentei dar a entender que o fizesse).
      Neste post tentei apenas reunir alguns tópicos que, enquanto leitora, me desagradam na edição de livros. Entendo que se as editoras o fazem, deverão ter as suas razões para tal mas, tanto quanto sei, ainda posso expressar livremente a minha opinião, não?
      ‘Quem não vende, morre’. Acredito que sim… E talvez por isso seja um bom princípio ouvir as ‘críticas’ de quem realmente gosta de ler e gasta o seu dinheiro em livros.
      Tem um bom dia e obrigado pelo teu comentário.

      Eliminar

Deixa o teu comentário! Vou gostar de saber a tua opinião! ❤